31 de maio de 2009

Sentimento




Uma fera dentro de mim reclama
Atitudes e ações suadas
Humilhações e energias roubadas
Diante daquele que nem ao menos se ama.

Procuro você sem querer te ver
Minhas mãos anseiam
E o coração palpita
A cabeça gira, as palavras acreditam.

Meu amor não busca traição
Minha fraqueza não cria lucidez
Meu desejo busca satisfação
Mas há uma fera dentro de mim que reclama

Realização do desejo buscado
Corpos e corações suados
Alegria e sorrisos inventados
E a fera dentro de mim ainda reclama...

Poema criado em 08/junho/99

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço o seu comentário, é sempre bom exercitarmos a nossa melhor e mais eficiente qualidade: comunicação!
Forte abraço,
Flávio