5 de janeiro de 2009

Quanto é?



Qual é o seu preço?

O que você é capaz de fazer para conseguir realizar os seus objetivos e suas ambições?

Para algumas pessoas o amor não existe, é apenas uma troca de interesses e usos. Todo este ideal romântico e poético nada mais é do que balela filosófica. Para outros o amor não passa de uma forma de dominação medieval religiosa do homem sobre a mulher.

Assim como o amor, para alguns, o dinheiro é considerado o mal da humanidade, pois é por ele que a maioria dos povos entram em guerra; as pessoas se matam, traem, corrompem; milhões de pessoas morrem de fome anualmente etc.

Existe uma forma de usá-lo sem ser corrompido por ele?

Quer pensar mais sobre o tema ou confundir mais ainda suas reflexões?

Assista ao filme "Crepúsculo dos deuses" (Sunset Blvd) um clássico americano de 1950 que nos oferece um banho de interpretação da protagonista Gloria Swanson como Norma Desmond. Um filme para rechear a alma, os olhos, os ouvidos... uma obra rara e atemporal, mais atual do que quando foi criada, certamente! Vencedora de três Oscar, a versão do diretor Billy Wilder desta bizarra história é um verdadeiro clássico do cinema. Da inesquecível primeira cena até o inevitavelmente trágico desfecho, o filme é a palavra final sobre o lado cruel de Hollywood.

Depois de assistí-lo, me responda:

O dinheiro compra tudo?
Pense bem nisso... saia da resposta automática e aprofunde sua reflexão!

Qual é o seu preço?


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço o seu comentário, é sempre bom exercitarmos a nossa melhor e mais eficiente qualidade: comunicação!
Forte abraço,
Flávio